O uso dos verbos modais em inglês, os modals ou modal verbs, é muito frequente.  Assim como no português, eles são verbos auxiliares, e são componentes super importantes para ajudar você a formar frases em inglês.  Em mais esta lição sobre os verbos em inglês, vamos nos concentrar em como usá-los e como conjugá-los corretamente.

modal-verbs-os-verbos-modais-em-ingles--gramatica-inglesa-mosalingua

Atualizado em 13.10.2020

Se você usa o para aprender vocabulário, com certeza já notou que ele tem um “efeito colateral” super interessante. Aos poucos, quase sem querer, você também tem contato com a gramática inglesa! Explico: ao aprender as frases-padrão trazidas no app, você é exposto(a) à estrutura do idioma de uma maneira orgânica. Resultado: aprende praticamente sem se dar conta.

No entanto, se você está entre os usuários que acham que já está na hora de ir mais longe e dar um passo a frente na gramática inglesa, continue lendo! 😉

Modal verbs: os verbos modais em inglês – o guia completo

Como no português, os verbos modais em inglês são usados como verbos auxiliares. Eles são usados para expressar uma:

  • possibilidade,
  • obrigação,
  • permissão,
  • proibição

Em inglês, os verbos modais são sete: can, could, may, might, should, must, ought 

 

A conjugação dos verbos modais em inglês

A conjugação dos modais é muito simples. Os modais são invariáveis.  Ou seja: eles não mudam, não têm infinitivo, e se comportam como verbos auxiliares.

  • Tomemos como exemplo o verbo can (poder), mas as regras valem para todos os demais modais:
    Para fazer uma frase afirmativa, usamos: I can, you can, he/she can, we can, you can, they can
    Para fazer uma negação, usamos: I cannot, you cannot, he/she cannot,…  –> abreviando-se, I can‘t, she can‘t,…
    Já para fazer uma frase interrogativa, usamos: Can I? Can you? Can she/he? etc.

Importante: para a negação, apenas cannot é escrito usando apenas uma palavra. Todos os outros modais são compostos por duas: I could not, they may not, etc.

  1. No entanto, como as abreviações são muito comuns em inglês, vamos juntar as duas palavras e suprimir o ‘o‘ de notI couldn’t, they shouldn’t, I can’t,…
  2. Se usarmos um infinitivo após um desses verbos, suprimimos o ‘to‘ do infinitivo, como você verá a seguir, nos exemplos de uso.

 

Como usar corretamente os modal verbs do inglês?

Vejamos como usar cada um deles:

A permissão

Podemos usar 4 verbos modais em inglês para expressar a permissão. Para escolher corretamente entre eles, precisamos nos perguntar sobre o grau de formalidade que queremos usar para pedir a permissão, se conhecemos bem a pessoa ou não e se se trata de uma pergunta real ou retórica.

Então, do mais informal para o mais formal, você pode usar: Can, Could, May, Might. Todos traduzidos como “poder”.  Confira alguns exemplos:

  • Can you pass me the salt, please? > Você pode me passar o sal, por favor?
    Can é usado quando temos certeza de que a resposta será ‘sim’.
  • Could I speak to you for a minute? > Posso falar com você por um minuto?
    Could é usado quando estamos quase certos de que a resposta será ‘sim’.
  • May I ask you something? > Posso lhe pedir uma coisa?
    May é usado para pedir a permissão de forma educada. Não sabemos se a resposta será sim ou não.
  • I wondered if I might ask you something? > Será que eu poderia lhe perguntar uma coisa?
    Might é, entre estas, a expressão mais formal. Esse modal é tão pouco usado que nunca o empregamos de forma direta, como fazemos com os demais modais (‘Might I…?’) e sim de forma indireta, como neste exemplo:I wondered if I might… 

Observação: Quando a permissão já foi dada, vamos usar ‘can‘, ou ‘could‘ se a frase for indireta e, portanto, estiver no passado, e não ‘may‘ ou ‘might‘, como na seguinte frase:

Children can watch TV until 8pm = As crianças podem ver TV até as 20h

 

A possibilidade

Para expressar a possibilidade, também usamos estes quatro verbos modais em inglês. A escolha entre eles se dá em função do grau de probabilidade. Então, do mais para o menos provável, usaremos:

  • Can > quando algo é provável.  Exemplo em uma frase: I can definitely do that for you > Eu posso (realmente) fazer isso pra você. 
  • Could > quando algo se situa entre o provável e o possível.  Exemplo em uma frase: I could come tomorrow if you wish > Eu poderia vir amanhã, se você quiser.
  • May> quando algo é possível. Exemplo em uma frase: You may want to take this coat with you > Você talvez queira levar esse casaco.
  • Might> quando algo é possível, mas pouco provável.  Exemplo em uma frase: The plumber might come tomorrow > O encanador talvez viesse amanhã.

Para a negação, no entanto, há uma grande diferença entre cannot may/might not.

  • Cannot é usado para dizer que não é possível que alguma coisa aconteça. He cannot be right > Ele não pode estar certo.
  • May / Might not, por sua vez, são usados para dizer que é possível que algo não aconteça. He may not be right > Ele pode não estar certo.

Outro ponto importante: CouldMight são considerados como o passado de Can May, respectivamente. Nas frases em ordem indireta iremos, então, usar ‘could‘ e ‘might‘, ao invés de ‘can‘ e ‘may‘:

  • He told me that he could come today > Ele me disse que poderia vir hoje.
  • He told me that he might come today > Ele me disse que pode vir hoje.

 

A obrigação e o conselho

Os modal verbs a seguir são sempre traduzidos como “dever/ precisar”. Mas dois são usados para dar uma ordem: must e have to. Já shouldought to são usados para dar conselhos.

  • Must expressa obrigação, geralmente de cunho moral, que impomos a nós mesmos:  
    I must visit my uncle > Eu preciso visitar meu tio.
  • Have to expressa obrigação externa, imposta por outra pessoa:
    I have to work tomorrow > Eu preciso trabalhar amanhã.
  • Should  é usado para expressar um conselho dado a si mesmo ou a outra pessoa, ou ordem dada de forma mais delicada:
    I / you should stop smoking > Eu/você deveria parar de fumar.
    You shouldn’t let him do that > Você não deveria deixar que ele faça isso
  • Ought to tem o mesmo sentido de mesmo uso de should‘, mas é de uso menos frequente:
    You ought to go to the doctor > Você deveria ir ao médico.
  • Had better é usado na mesma situação que ‘should, como um conselho ou uma obrigação imposta a si mesmo ou por outra pessoa. Esse modal pode ser traduzido como ‘seria melhor (que)’. Por exemplo:
    I’d better go if I want to arrive on time >Melhor eu ir se quiser chegar a tempo.

 

A proibição

Três de nossos verbos modais em inglês são usados para expressar a proibição.  Do mais forte para o menos forte, usamos: must not, may not, cannot 

  • Must not expressa uma proibição rígida:
    Your report must not exceed 10 pages. > Seu relatório não pode ultrapassar 10 páginas.
  • May not é uma proibição formal, um pouco menos rígida do que must:
    Limits may not be exceeded. > Os limites não podem ser ultrapassado.
  • Cannot expressa uma proibição informal:
    You can’t smoke here > Você não pode fumar aqui.

Conclusão

Pronto! Você aprendeu a expressar uma proibição, uma permissão, uma obrigação e uma probabilidade. Em graus diferentes e de maneira mais ou menos formal.

Agora, para ir ainda mais longe, confira também: